Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Bola não é Quadrada!!

A Bola não é Quadrada!!

17
Dez19

AQUELA MÁQUINA!!

A Dona da Bola

AQUELA MÁQUINA!.jfif

Quem não se lembra, nos idos anos 70/80/90, do Homem da Regisconta? Ou do slogan inúmeras vezes repetido "Aquela Máquina"!?! Foram reclames (agora já não se diz, reclames, pois não?!) inovadores e que ficavam na nossa memória qual lapa agarrada à rocha! Sempre que precisássemos de uma máquina para o escritório já sabiámos a quem pedir, ao Homem da Regisconta, podíamos contar com ele.....sempre!
No SLB também temos um homem como ao da Regisconta, podemos contar sempre com ele, está no auge da sua forma e carrega a equipa com ele, contagiando os colegas, na busca do melhor para a equipa. No sábado não pude ir à Catedral, fiz um flashback e ouvi o relato (de vez em quando é tão bom ouvir relatos), quem narrava o jogo, provavelmente maravilhado com o que via, conseguiu que eu me maravilhasse também, e depois ao ver mais tarde o resumo do jogo, percebi o deslumbramento.

Mas vamos por partes, equipa adversária: terceiro classificado, com mãos cheias de boas exibições e segundo melhor ataque da prova! Nada mal, para quem vem da 2ª Liga! Nada de autocarros estacionados, pressão alta e sempre atentos a um possível deslize da equipa adversária! Osso duro de roer, foi do Famalicão o primeiro remate em direcão à baliza adversária! The Rock Ody mais uma vez respondeu à chamada com prontidão. Tirando este lance, nada há mais a referir em relação ao ataque do segundo melhor ataque da prova! Do outro lado, empurrava-se o jogo para a área do inimigo, e uma vez que as tabelas não geravam grandes lances de perigo, mudou-se o chip para os passes mais longos, a rasgar ou as diagonais que basculam o jogo da direita para a esquerda e da esquerda para direita! Quem ouvia o jogo (e provavelmente quem via também!) percebeu que se a equipa não se enervasse, mais cedo ou mais tarde, a bola beijaria o fundo das redes! O homem da Regisconta bem tentou, de todas as maneiras e feitios, mas o golo só apareceu quando o trio Tavares&Chiquinho&Vinicius, decidiram por a redondinha a rolar de forma rápida e sublime, permitindo ao 95 um golo fácil, mas pleno de oportunidade não tivesse ele um faro para o golo apuradíssimo! Na segunda parte foi ver o homem da regisconta a abrir o livro, Pizzi de seu nome deliciou-nos com fintas, desmarcações, passes e golos! Estás lá em cima, Luís Miguel!!!

Mas nem só de Pizzi se fez o jogo, o Adel também anda intratável, não chega roubar e intercetar bolas, há que levar o jogo para a frente, e ele faz isso tão bem! O Tavares pode até defender menos, mas no ataque à linha é primoroso, só lhe faltou o golo! O Chiquinho esteve perfeito no seu apoio à frente de ataque e o Gabriel, Cervi, Rúben, Ferro e Grimaldo não deixaram os seus créditos por mãos alheias! E até o Caio foi feliz, fazendo o gosto ao pé! Foi uma excelente exibição, sem ofertas, sem casos (embora haja sempre quem os consiga ver!), sem qualquer tipo de dúvida quanto à justiça no marcador!

No sábado, na Catedral, Aquela Máquina fez a bola rolar, redondinha, porque a bola não é quadrada.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D