Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Bola não é Quadrada!!

A Bola não é Quadrada!!

19
Ago19

NÃO PERDER O NORTE.....

A Dona da Bola

 

NÃO PERDER O NORTE....jpg

No sábado, Lage tinha um borrego para matar (sabiam que esta expressão surgiu no Estádio do Sporting, na década de 50-60, inventada pelos tratadores da relva (pelo menos uma das versões que li é essa, foi a que mais gostei por acaso)? Será por isso que o Sporting é o clube nacional com o maior borrego para matar, a conquista do campeonato que lhe foge há quase 20 anos?...adiante). O borrego do Lage (ai que mal que isto soa!!) chamava-se Belenenses SAD, mas não era um borrego assim tão grande, era a única equipa que conseguiu não perder com o SLB, após Lage ter assumido o leme da equipa da Luz. Os pupilos de Silas, cientes deste feito, não quiseram deixar os créditos por mãos alheias e dificultaram a vida à turma de Lage.

Nestes jogos, não se pode deixar que a ansiedade tome conta de nós, e a insistência e a persistência, aliada ao trabalho árduo, quase sempre dão frutos.

Pouco iludidos com o saldo de 10-0 que levaram para o Jamor, os jogadores do Benfica, trabalharam desde o primeiro minuto para que a história do ano passado não se repetisse. Na nossa memória, ainda estavam a derrota na 1ª volta e o empate da 2ª, com dois golos oferecidos de bandeja e que encheram de esperança os nossos mais diretos adversários e a nós de uma dúvida constante que só se dissipou aquando do apito final do último jogo.

Com uma boa ocupação dos espaços, boa posse de bola e um guarda redes sem medo de abandonar os postes, aliada a alguma falta de pontaria dos homens de vermelho, o Belenenses SAD, lá foi levando a água ao seu moínho.O carrossel lá da frente, Pizzi, Rafa, RDT e Sefe, bem rodou, e rodou bem, muito movimentados, sempre à espreita de uma oportunidade, ora à direita ora à esquerda, mas a concretização esteve abaixo da eficácia dos dois jogos anteriores. E não fosse a defesa estrondosa do Odysseas aos 45´, após uma infeliz escorregadela de Rúben Dias, e os da SAD podiam ter ido para o intervalo a ganhar. 

Pedia-se uma segunda parte com a mesma insistência e persistência mas com mais pragmatismo na hora de finalizar os lances. Assim entraram os homens às ordens de Lage, e quem mais que não Rafa, numa jogada de insistência e persistência terminada com categoria, num remate que deixou pregado ao relvado o guarda redes do Burkina Faso, inaugura, finalmente o marcador. Estava ferido o borrego mas não morto, como ficou provado no lance em que Tavares não consegue pontapear a bola em plena área benfiquista e o remate do jogador do Belenenses SAD, sai muito perto do poste da baliza à guarda de Odysseas. Ficava o aviso, 1-0, era curto muito curto. E perante este aviso, o SLB, volta a atirar-se para a frente, à procura de mais um golo que pudesse tranquilizar a equipa, mas sem perder o sentido de alerta necessário para evitar quaisquer dissabores nos últimos minutos. Assim se chega ao 2-0, numa jogada conduzida por Chiquinho, acabado de entrar, mas com todos os sentidos postos no objetivo de ampliar o marcador, e que bem que ele se entende com Sefe, numa tabela que baralhou os defesas contrários incluindo o guarda redes, ofereceu a este o golo mais fácil da noite.....se calhar por ter sido tão fácil para o Sefe, houve alguém que decidiu complicar as coisas....golo anulado por fora de jogo...não adianta nada dotar os homens que estão em frente ao monitor a ver e rever os lances, da última tecnologia quando o pior cego é aquele que não quer ver, ou neste caso, o cego que mesmo não vendo nada inventa que viu!!! Nada disto esmoreceu a vontade de compor o marcador, com o resultado que traduzisse o que realmente se passou em campo, uma equipa sempre em rotação máxima no ataque e a outra defender-se como podia. Não foi um rolo compressor mas 1-0 era escasso para o que se fez. Provavelmente, com este pensamento, Pizzi decide colocar o seu nome na ficha de jogo e assina o 2-0 já em tempo de desconto, mas ainda a tempo de fazer justiça ao trabalho que a equipa de Lage fez. Agora sim, o borrego tinha morrido!

Destaques, o carrossel da frente Pizzi-Rafa-RDT-Sefe, sempre muito movimentados e nunca desistindo ou desanimando, mesmo quando as coisas não corriam bem (muitas alegrias nos vão dar, estou certa!), carrossel que não se desfez ou ressentiu com a entrada de Chiquinho, uma agradável surpresa para mim, Florentino, cujos tentáculos chegam cada vez mais longe, está em todo lado e Odysseas, que em momentos decisivos tem estado irrepreensível (todos aqueles que julgavam que a procura que dizem o SLB fazer por um guarda redes de topo, afetaria pela negativa a performance do Ody, tem um sapo para engolir!!!). Um destaque também para o Lage que matou o seu borrego, mas que espero, continue na senda de todas as semanas ter um borrego para matar, ou seja, a conquista dos três pontos em todos os jogos.

Notinha muito pequenina para a equipa de arbitragem (pequenina assim como a competência deles!!), cegam perante evidências que chocam quando vistas e revistas nos ecrãs e veem pulgas em África quando nada se passa.....fantástico!

Agora é preciso não perder o Norte, ou melhor, não perder com o Norte, representado pelas duas equipas que iremos encontrar nas próximas semanas, e manter o primeiro lugar, nosso lugar por direito!

A bola, lá o Jamor, rolou, e continua a rolar bem, porque a bola não é quadrada!!

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D